Slidefy Talks #02 – Daniela Franco

Slidefy Talks #02 – Daniela Franco

Olá leitores! Na segunda edição do Slidefy Talks, tivemos a honra de entrevistar Daniela Franco Verhine, Gerente de Comunicação do Salvador Bahia Airport (VINCI Airports).

Recentemente Daniela foi premiada com o 1º lugar do Prêmio TOP Mega Brasil como Executiva de Comunicação Corporativa da região Nordeste e uma das 10 melhores do país!

Vamos às perguntas?

Dani, pra começar nossa entrevista gostaria de saber um pouco mais sobre você e sobre a sua trajetória profissional.

Sou baiana, casada e mãe de dois filhos. Me formei em Economia e Administração aqui em Salvador, mas me especializei em Comunicação Corporativa. Durante certo tempo, exerci o cargo de Diretora do Capítulo Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial) na Bahia.

Passei uma temporada nos Estados Unidos, onde aprimorei meu domínio da língua inglesa e meus conhecimentos em Marketing. Na maior parte da minha carreira, trabalhei em indústrias da área química e desenvolvi expertise em planejamento e gestão e desenvolvimento em projetos de comunicação. Além disso, atuei bastante com projetos de relacionamento com stakeholders e na área de Cidadania Corporativa. Tenho grande identificação com causas sociais e busco de toda forma incorporar isso ao meu trabalho. Me considero uma profissional entusiasta e coloco muita dedicação e energia em tudo o que faço.

Atualmente seu cargo exige relações com diversos stakeholders (governo, órgãos reguladores, mídia e veículos de comunicação, etc). Você percebe uma diferença na forma de se comunicar com cada uma delas?

Sim. Para cada um temos um approach diferente, pois, a depender do perfil do público a linguagem e canais mudam, bem como os elementos visuais. É necessário desenvolver uma estratégia segmentada por público para que a comunicação com cada um deles alcance seu objetivo.

Quais os maiores desafios no campo da comunicação e liderança para um gestor que está atuando numa empresa de grande porte como o aeroporto de Salvador, que faz parte do network de aeroportos da VINCI?

Os principais desafios que enfrento no Aeroporto são: a construção de uma reputação focada na percepção de valor de dentro da empresa para fora da empresa, engajamento de funcionários para a construção de uma cultura corporativa focada nos valores da empresa e que os funcionários se sintam parte desse processo, disseminando as nossas histórias e narrativas, bem como desenvolvimento e implantação de políticas e processos de comunicação. O Salvador Bahia Airport é uma empresa que surgiu a partir do início da concessão, em janeiro de 2018, logo tudo é muito novo. Os processos estão se estabelecendo, as rotinas estão sendo criadas e precisamos engajar as diversas pessoas num único propósito e visão de longo prazo.

Deixar claro para a sociedade que o Aeroporto, uma estrutura que existe há mais de 50 anos, vive um novo momento, é um desafio que enfrento em relação à comunicação externa. Estamos conduzindo obras significativas de modernização e ampliação, que há muito eram esperadas pelos baianos. Há bastante expectativa em torno delas, além de um certo sentimento de desconfiança em relação às entregas, já que no passado houve reformas não concluídas que geraram imensa frustração. Temos o desafio de mostrar que estamos vivendo novos tempos, que o Aeroporto agora faz parte de uma empresa sólida, comprometida e com expertise na construção e ampliação de aeroportos. 

Você acredita que dar uma atenção especial às suas apresentações teve influência na sua trajetória profissional de sucesso?

Sim. Acredito que uma apresentação bem-feita permite comunicar com clareza e conquistar o espectador. Ela não é só uma mera formalidade. Por mais que o orador seja eloquente e carismático, o conhecimento do público alvo e uma apresentação com uma narrativa consistente faz toda diferença para o sucesso de uma apresentação.

Por este motivo, sempre me dedico ao conteúdo audiovisual que vai acompanhar as minhas falas, caprichando no storytelling, layout, trazendo números, imagens e outros elementos que facilitem o entendimento do público, sempre buscando encantar e surpreender!

Na sua carreira você já deve ter participado de diversos eventos e assistido a várias apresentações. Você lembra de alguma que te marcou? Seja de forma positiva ou negativa.

Muitas apresentação me impactaram positivamente e negativamente na minha trajetória profissional, mas acho que o sucesso de qualquer apresentação depende do quão preparado o palestrante está para falar do tema e do material de suporte que ele utiliza para ilustrar a sua fala. Outro ponto que considero muito importante é o grau de comprometimento e engajamento que o palestrante tem com o tema, pois isso tem um poder enorme de gerar empatia na plateia.

Além de participar você também já precisou organizar eventos ou apresentá-los? Se sim, você percebeu algum efeito gerado nos participantes por conta de um roteiro e apresentação bem feitos?

Como gestora de Comunicação, os eventos são parte do dia a dia do meu trabalho. Um roteiro bem elaborado é fundamental para que tudo saia conforme o esperado, diminui a margem de erros e aumenta a satisfação do espectador. O roteiro de uma apresentação é fundamental na hora de definir o fluxo e o ritmo da narrativa, prendendo a atenção do público.